x 

Conjunto de 3 Budas - Cego, Surdo e Mudo

Conjunto_Budas_Nao_Vejo_Nao_Falo_Nao_Escuto.jpg
Ganesh_de_Latao_com_Pedras_15cm
Produto SKU:  IMAG3999
Conjunto de 3 Budas - Não Vejo, Não Falo, Não Escuto

Material: Resina.

Dimensões: 6 cm de altura.

Função: Prosperidade, harmonia e felicidade.
11,95 €
Preço base 9,72 €
Valor do imposto 2,23 €

Conjunto de 3 Imagens de Buda feitas resina fazendo referência aos 3 Macacos da Sabedoria que provem do trocadilho Japonês "não ouça o mal", "não fale o mal" e "não veja o mal" que na prática significa que se os homens não olhassem, não ouvissem e não falassem o mal, teríamos comunidades pacíficas com paz e harmonia.

Existe uma escultura de madeira dos Macacos no santuário de Toshogu, em Nikko, Japão, em honra ao Shogun Tokugawa Ieyasu.

Os nomes dos Macacos são Kikazaru (não ouve), Iwazaru (não fala) e Mizaru (não vê).

Conta a lenda, que os três macacos eram os mensageiros enviados pelos deuses para apurar as más ações dos humanos, com o qual a cada um tinha duas virtudes e um defeito, e representavam-se na seguinte ordem:

• Kikazaru (macaco surdo)
Era encarregado de utilizar o sentido da vista para observar a todo aquele que realizava más ações para transmitir a Mizaru mediante a voz.

• Mizaru (macaco cego)
Não precisava do seu sentido de visão, já que se encarregava de levar as mensagens que lhe contava Kikazaru até o terceiro macaco, Iwazaru.

• Iwazaru (macaco mudo)
Escutava as mensagens transmitidas por Mizaru para decidir a pena dos deuses para cada má ação do desafortunado e observar que fosse cumprida.


Seguindo esta perspectiva, as esculturas decorativas de Budas Cego, Surdo e Mudo entram na cultura budista não só como ensinamentos para não permitir que o mal permeie o ser, mas lança sobre nós um questionamento profundo acerca de como vemos e lidamos com o mal – que geralmente identificamos como algo externo, que chega até nós através da ação de outros.

Em cada posição, com asanas (posturas de Yoga) e mudras (gestos com a mão) ou não, Buda convida-nos à percepção de nós mesmos, de forma que as suas representações cobrindo os olhos, os ouvidos e a boca não nos priva desta análise. Elas atentam ao fato de que somos luz e sombra e que, portanto, precisamos reconhecer o mal em nós e não no outro, pois só à medida que compreendermos as nossas sombras saberemos acolhê-las e poderemos transformá-las.


Tenda da Alma, Artigos esotéricos

Contactos

Telefone: (+351) 21 136 58 60

Telemóvel: (+351) 91 702 38 85 • 91 891 09 44

http://www.tendadaalma.com

E-mail: geral@tendadaalma.com