x 

Bem aventurado Santo António de Lisboa, eu, confiante na Vossa bondade, nos Vossos méritos perante a Justiça e a Misericórdia divinas, contrito dos meus pecados ajoelho-me diante da Vossa santa imagem, suplicando-Vos uma graça, de acordo com os meus merecimentos.
Santo António de Lisboa, sois o patrono dos aflitos, dos pobres e dos que esperam em Vossa santidade.
Defendestes o Vosso pai de uma acusação injusta, falastes aos peixes, aos animais, que entendiam a Vossa palavra, inflamada no amor a Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo.
Pelo Vosso amor a Deus, pela Vossa fé inquebrantável em Nosso Senhor Jesus Cristo, pela Vossa pureza eu Vos peço que atendais ao meu pedido (fazer aqui o pedido que se tem em mente).
Sede propício aos meus rogos, glorioso Santo António de Lisboa, auxiliai-me, ouvi-me, com a mesma paciência e com a mesma caridade com que ouvíeis os que Vos confessavam as suas culpas.
Que o Vosso nome seja sempre ouvido, como testemunho do poder de Deus.
Assim seja.

Santo António, tende piedade de mim.

Repetir três vezes esta oração, rezando um Credo, um Pai Nosso e uma Avé Maria.

Nota:
Esta oração-ladainha deve ser rezada, para maior eficácia, durante nove dias seguidos.
Dia festivo: 13 de Junho; dia da semana: terça-feira; cores: castanho (para pedidos especiais), verde (para pedidos sobre questões financeiras), laranja (para pedidos sobre casamentos).

 

Destaques

Contactos

Telefone: (+351) 21 136 58 60

Telemóvel: (+351) 91 702 38 85 • 91 891 09 44

http://www.tendadaalma.com

E-mail: geral@tendadaalma.com